Eleições 2018

  • 23/08/2018
  • 0 Comentário(s)

Eleições 2018

Patrimônio dos candidatos a presidente: Lula declara R$ 7,9 milhões, Bolsonaro, R$ 2,3 milhões e Marina, R$ 118 mil

Lula (PT), Jair Bolsonaro (PSL) e Marina Silva 

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) recebeu nesta quarta-feira (15) os últimos registros de candidatos que disputarão as eleições de outubro.

O prazo se encerrou às 19h, e agora a Justiça Eleitoral deverá julgar as inscrições para validar ou não as candidaturas. Para a Presidência da República, foram registradas 13 chapas.

Todos os candidatos são obrigados a declarar seus bens e o valor total do patrimônio acumulado.

O PT registrou nesta quarta-feira a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que declarou um patrimônio de R$ 7,9 milhões. Entre os bens listados há 3 apartamentos que, juntos, valem R$ 265 mil, e 3 terrenos que somam R$ 795 mil.

Marina Silva, candidata da Rede ao Planalto, afirmou ter R$ 118 mil. Entre os bens declarados há uma casa no valor de R$ 60 mil.

Também foram registradas no último dia do prazo as candidaturas de João Goulart Filho (PPL), que diz ter um patrimônio de R$ 8,6 milhões; e de José Maria Eymael (DC), que declarou R$ 6,1 milhões, entre imóveis, aplicações financeiras, joias e objetos de arte.

Os demais candidatos já tinham registrado suas chapas.

Jair Bolsonaro (PSL) declarou ter quase R$ 2,3 milhões em bens. Ele diz ter 5 casas que somam R$ 1,3 milhão, além de 4 carros e aplicações financeiras.

Alvaro Dias (Podemos) afirmou ser dono de um patrimônio de R$ 2,9 milhões. Ele declarou um veículo no valor de R$ 128 mil, aplicações financeiras e ações.

O ex-ministro Henrique Meirelles (MDB), que disse ter R$ 377 milhões, é o segundo candidato mais rico. Entre os bens declarados há um apartamento de quase R$ 22 milhões.

Meirelles fica atrás apenas do executivo João Amoêdo (Novo), que declarou R$ 425 milhões. Amoêdo tem, por exemplo, 6 apartamentos que totalizam R$ 16 milhões.

Ciro Gomes (PDT) disse ter R$ 1,7 milhão. Ele possui 4 imóveis e 2 veículos, além de poupanças e aplicações.

Geraldo Alckmin (PSDB) afirmou ter R$ 1,4 milhão, incluindo apartamento e quase R$ 500 mil em planos de previdência VGBL.

Vera Lúcia (PSTU) disse ter apenas um terreno de R$ 20 mil, segundo sua declaração.

Guilherme Boulos (PSol) declarou apenas um veículo no valor de R$ 15.416.

Cabo Daciolo (Patriota), ao contrário de todos, não declarou nenhum bem ao TSE.

    0 Comentários


    Deixe seu comentário


    Aplicativos


     Locutor no Ar

    AutoDJ

    Piloto Automático

    Peça Sua Música

    Name:
    E-mail:
    Seu Pedido:


    Anunciantes